Quinze cristãs são presas na Eritreia

Na terça-feira, dia 3 de agosto, quinze cristãs foram presas em um bairro da cidade de Asmara, capital da Eritreia. De acordo com a Portas Abertas, as seguidoras de Jesus foram levadas pelas autoridades enquanto se reuniam, e até então não se tem mais detalhes sobre a prisão delas.

A situação preocupa os parceiros da Missão local, pois como de costume, as mulheres não têm benefícios nos processo legais e podem enfrentar qualquer tipo de acusação. 

Tsedal reside nos Estados Unidos, já passou cerca sete anos na prisão, e foi levada com as demais cristãs sob custódia pelas autoridades. Todas permanecem presas na 5ª delegacia da capital, mas foram informadas sobre as penas que receberão, ou se serão libertas em breve.  

Está cada vez mais frequente divulgarmos notícias de cristãos sendo presos na Eritreia, e sabe-se ainda, que centenas permanecem nas prisões por anos, sendo mantidos pelo governo sob péssimas condições. Conforme informações da Missão Portas Abertas, muitos presos chegam a ser mantidos em contêineres em temperaturas escaldantes.

O país está na sexta colocação na Lista Mundial da Perseguição 2021, que classifica onde a hostilidade aos seguidores de Jesus acontece em nível extremo.

CPADNews/ Com informações Portas Abertas – Foto: Pixabay.com

Rua Dr. Augusto Lopes Pontes, n°262
Costa Azul, Salvador – BA, 41760-035